<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=408815549258573&amp;ev=PixelInitialized">

    Como comprar um carro usado com consórcio?

    Posted by Rodobens on Agosto 2016

    como comprar um carro usado com consorcio.jpg

    Não restam dúvidas de que fazer um consórcio é uma das formas mais econômicas de adquirir um carro usado hoje em dia. As taxas e os juros envolvidos no contrato só confirmam os benefícios dessa modalidade de compra, especialmente quando comparada aos financiamentos bancários e das montadoras. Mas o que efetivamente diferencia o processo de compra de um carro usado para um carro novo? Na verdade, ao contrário do que muita gente costuma pensar, adquirir um carro usado não tem nada de mais complicado ou burocrático que comprar um veículo novo, viu?

    Está pensando em adquirir seu carrinho, mas ainda não se decidiu sobre a melhor forma de pagamento? Então relaxe e confira os próximos tópicos para tirar todas as suas dúvidas a respeito do consórcio!

    Quais as principais vantagens de se fazer um consórcio?

    Na prática, um consórcio apresenta diversas vantagens perante um financiamento comum. Quer conferir por si mesmo? Então veja agora os principais benefícios de contratar um consórcio:

    Aquisição pensada

    Como no consórcio o bem não é recebido imediatamente (exceto no caso dos contemplados por sorteio logo nas primeiras parcelas), há um período para avaliar as opções com mais cuidado. Afinal de contas, sem a necessidade de escolher o carro que você deseja com pressa, sobra tempo para pensar e planejar, evitando possíveis arrependimentos futuros.

    Planejamento financeiro

    Com a obrigação de honrar o contrato adquirido, você automaticamente trabalha sua disciplina financeira e adquire o hábito de economizar para conquistar seus próximos objetivos, sejam eles quais forem.

    Economia na compra

    Sabia que consórcios não têm taxas de juros embutidas? Seus custos envolvem o pagamento da taxa de administração e de adesão, além de seguros e, em alguns casos, fundo de reserva(a Rodobens não cobra taxa de adesão e fundo de reserva). Ainda assim, o somatório geral do consórcio ainda não supera as taxas cobradas pelos bancos e pelas montadoras, fazendo dessa modalidade um investimento bastante atrativo.

    Burocracia reduzida

    Toda a documentação, envolvendo comprovação de renda e outras exigências feitas pelos bancos para conceder um financiamento são significativamente minimizadas no consórcio. Apenas para receber a carta de crédito é que você não poderá apresentar restrições. Até lá, terá tempo de sobra para resolver quaisquer pendências no seu nome!

    Valorização do dinheiro

    Para garantir o poder de compra esperado na contratação do consórcio, as parcelas são periodicamente reajustadas, algumas administradora atualizam o valor do crédito de acordo com a tabela de preços do fabricante. E isso se reflete na sua carta de crédito. Dessa forma você não corre o risco de ser pego de surpresa com a desvalorização do montante que contratou a princípio!

    Que cuidados devem ser tomados ao fazer um consórcio?

    A primeira precaução que você deve tomar antes de fazer um consórcio diz respeito a si mesmo. Assim, se estiver com pressa para adquirir seu bem, avalie quanto tempo realmente pode ou quer esperar. Lembre-se de que nenhum consórcio oferece garantia de contemplação imediata. É preciso aguardar os sorteios ou dar lances para tentar antecipar sua contemplação. Então muito cuidado com vendedores que prometem algo diferente disso, ok?

    Fique atento também à administradora do consórcio que pretende adquirir, pois ela deve obrigatoriamente ser regulamentada pelo Banco Central, o órgão responsável por autorizar e fiscalizar todo o sistema de consórcios do país. Saiba que é possível consultar uma lista de administradoras autorizadas na própria página do Banco Central. Limite-se exclusivamente às instituições cadastradas para evitar perder o dinheiro investido.

    É preciso tomar precauções específicas na compra de um carro usado?

    De toda forma, comprar um carro usado requer cuidados extras e atenção especial. Para não deixar passar nenhum detalhe importante, confira já as principais dicas para adquirir um veículo usado de qualidade:

    • Prefira carros de origem conhecida: comprar carros de pessoas próximas é uma das melhores formas de garantir a qualidade do seu usado, já que assim é possível acompanhar o funcionamento e ficar por dentro das reais condições do veículo.

    • Confira a documentação do veículo: anote os números do chassi, de vidros e placas e compare ao documento fornecido pelo proprietário. Lembre-se ainda de fazer a vistoria somente com o documento original, cuja veracidade você pode checar.

    • Verifique a situação junto ao DETRAN: consulte a placa do carro no DETRAN para garantir que não é adulterada. Verifique a existência de débitos, alienação fiduciária (indicador de que o veículo é financiado e não pode ser transferido) ou multas.

    • Identifique avarias no veículo: você pode contratar um vistoriador especializado ou fazer você mesmo a avaliação do carro, caso se sinta seguro para isso. Variações na pintura, ondulações na lataria, portas ou teto assimétricos podem indicar que o carro sofreu algum tipo de colisão, o que pode desvalorizá-lo.

    • Analise os pneus: o estado dos pneus pode indicar problemas no balanceamento, no alinhamento ou até mesmo na suspensão. Pneus com ranhuras ou desgastes desiguais apontam para a necessidade de manutenção.

    • Evite carros inundados: cheiro de umidade (ainda que disfarçado por aromatizadores) pode indicar que o veículo sofreu uma inundação, correndo o grave risco de apresentar partes danificadas imperceptíveis em uma avaliação mais superficial.

    • Avalie o estado geral do carro: ainda que não exista nenhum sinal visível de batida ou umidade, o estado do veículo pode dizer muito sobre os cuidados de seu dono e sobre a possibilidade de problemas futuros. Por isso, nenhum detalhe deve passar despercebido: vidros trincados, ferrugens e outros desgastes são claros indicativos de um carro mal conservado.

    Como funciona a compra de um carro usado via consórcio?

    Comprar um usado por meio de consórcio é bem parecido com a compra de um carro novo. Na verdade, o processo junto à administradora é exatamente igual! Você escolhe a faixa de valor que deseja e as parcelas que pode pagar, de acordo com seu orçamento pessoal. Depois é só adquirir a cota de um grupo de consórcio e realizar o pagamento das parcelas, participando dos sorteios e podendo efetuar lances para antecipar a contemplação.

    Uma vez contemplado, entregue a documentação exigida e escolher o carro que desejar, a carta de crédito é liberada para o pagamento direto ao vendedor.

    Algumas administradoras oferecem aos consorciados áreas exclusivas para acompanhamento do grupo, informações sobre lances, enfim, o extrato geral sobre a cota de consórcio adquirida e assim fazer a gestão do investimento!

    Esses são alguns dos principais cuidados para quem preza pela qualidade em todos os seus negócios. E você, já adquiriu algum bem pode meio de um consórcio? Compartilhe aqui suas dúvidas e experiências! Participe!

    Nova chamada à ação

    Consórcio, investimento seguro e programado para aquisição de bens e serviços.

    • Sem Juros
    • Diversos planos e créditos
    • Sem Taxa de Inscrição
    Simular
    Consórcio!
    New Call-to-action

    Newsletter

    Categorias

    todos
    Como funciona o consórcio de imóveis