<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=408815549258573&amp;ev=PixelInitialized">

    Consórcio imobiliário: um checklist com todos os documentos que você precisa

    consorcio, consórcio de imóveis, dicas, imóveis, casa, casa própria, imovel, dicas-consorcio, consorcio-imovel, primeira-casa, primeiro-apartamento, primeiro-ap

    Consorcio imobiliario um checklist com todos os documentos que voce precisa.jpg

    Muitas pessoas possuem o costume de financiar tudo o que vão comprar e acabam pagando bem mais caro do que o normal. Isso acontece principalmente na hora de comprar aquele imóvel tão sonhado. Uma outra parte da população opta por meios que possam ser mais eficazes e que agridem menos o bolso do comprador. Mas e você, é apenas aquele consumidor que não buscou outros meios para economizar mais de forma segura? Pois bem, se você está desejando adquirir o seu imóvel, saiba que a melhor maneira de tê-lo em suas mãos é através do consórcio imobiliário.

    Diversos consumidores conseguem imóveis incríveis através do consórcio, modalidade que já foi comprovada como uma das melhores maneiras de se conseguir um imóvel de forma segura. Pense que, se fosse apenas um financiamento, caso parcelasse em muitas vezes, o valor dos juros seria enorme e poderia até mesmo comprar duas casas com esse dinheiro. Já com o consórcio não!

    Se você ainda possui alguma dúvida sobre como se organizar com a papelada e quais os documentos necessários para fazer o consórcio do seu imóvel, iremos dar todas as informações necessárias para que possa dar andamento ao seu projeto desde já. Fique de olho nesse artigo!

     

    Quais documentos preciso para fazer um consórcio imobiliário

    Para dar entrada no consórcio imobiliário você precisa de documentos pessoais, como RG, CPF e comprovante de residência.

    Conforme a instituição financeira, você pode ter que levar algum outro documento, mas esses são os mais comuns e, se for necessário, você será informado no momento da contratação.

    É um processo bastante rápido e sem burocracia, sendo que, ao ser contemplado, é preciso enviar mais documentos a fim de comprovar seus dados e liberar a carta de crédito. Fique atento também a lista para o consórcio contemplado, vendo conforme o seu perfil de consorciado.

     

    Documentação para o consórcio contemplado pessoa jurídica

    Para quem paga aluguel e precisa de um imóvel para abrigar a sua empresa sem ter que contar com essa despesa fixa, o consórcio é uma ótima opção. Veja quais os documentos necessários para que possa ser dado andamento em seu consórcio contemplado:

    • Certidão de Regularização (CRF) do FGTS;
    • CNPJ – Comprovante de inscrição e de situação cadastral da empresa;
    • Certidão conjuntare relativa ao negativo da empresa, aos débitos e tributos federais e à dívida ativa dessa união;
    • Certidão da distribuição da Justiça Federal e de ações ficais, civis e criminais da empresa;
    • Certidão de débitos negativos relativos às contribuições previdenciárias.

    Você também irá precisar das certidões originais ou das cópias (em todo caso, tire cópias de todos os documentos, assim, caso precise das cópias, você já irá tê-las em mãos) autenticadas para serem apresentadas antes de tomar posse do local:

    • Versão simplificada da certidão da Junta Comercial do Estado;
    • Cópias legíveis e autenticadas do Contrato Social das alterações e eleições da Diretoria;
    • Certidão conjunta de débitos negativos relacionados aos tributos federais e a dívida da união;
    • Certidões de pesquisa de 10 anos de pedido de distribuições de Falência e Concordatas;
    • Certidão dos débitos negativos relativos às contribuições previdências.

     

    Documentação de consórcio contemplado para empreiteira ou construtora

    Caso o proprietário do imóvel seja uma empreiteira ou construtora que trabalhe muito com atividades – como incorporação imobiliária, compra e vendas de mercadorias, projetos locais e comercialização de imóveis prontos para vender – muda um pouco a documentação a ser apresentada na hora do consórcio imobiliário jurídico contemplado.

    Veja os documentos e as certidões necessárias neste caso:

    • Versão simplificada da certidão da Junta Comercial do Estado;
    • Cópias legíveis e autenticadas do Contrato Social das alterações e eleições da Diretoria;
    • Certidão conjunta de débitos negativos relacionados aos tributos federais e a dívida da união;
    • Certidões de pesquisa de 10 anos de pedido de distribuições de Falência e Concordatas;
    • Certidão dos débitos negativos relativos às contribuições previdências.

    Vale lembrar que as certidões citadas acima devem estar no nome de todos os proprietários antecessores da empresa (do local de residência antiga da empresa e do município onde se localizava a empresa antigamente).

    Não se esqueça de que as certidões possuem o prazo de validade de até 30 dias e devem ser cópias autenticadas ou originais, exceto no caso das certidões que foram emitidas da internet. O vendedor e o comprador também não podem ser apresentados pelo procurador, muito menos serem procuradores um do outro, pois isso é proibido.

    Seguindo essas orientações, pouca coisa mudará de uma instituição financeira para outra, então você pode separar os papéis e ver se pedem alguma coisa adicional na hora de assinar o contrato.

     

    Documentação para o consórcio imobiliário contemplado de pessoa física

    Se você pretende conquistar o seu próprio imóvel tão sonhado através do consórcio imobiliário contemplado, fique de olho nos documentos para pegar sua carta de crédito. É necessário apresentá-los para que você possa ter o seu crédito liberado com sucesso e poder ter o seu imóvel em mãos.

    Para começar, você deverá apresentar seus documentos particulares, tais como:

    • Comprovante de renda para a realização do consórcio. Geralmente, são pedidos os últimos três contracheques ou até mesmo a sua declaração do imposto de renda com o recibo de pagamento;
    • Cópias do seu CPF, RG, comprovante de endereço atual e dos últimos três meses, que podem ser de água, de energia ou do seu telefone fixo.
    • Cópia da certidão de nascimento, casamento ou, caso não seja casado no papel, pode ser a certidão de união estável.
    • Se a pessoa que está fazendo o consórcio for casada, é necessário que o cônjuge também apresente seus documentos, como comprovante do imposto de renda, CPF, RG e a certidão de união instável ou casamento. Se houver problemas com os documentos ou se eles se mostrarem inconsistentes, serão pedidos novos documentos ou até mesmo um fiador para que o consórcio possa ser feito com sucesso.

    Vale ressaltar que os documentos pessoais são padrões utilizados em todos os consórcios, mas cada instituição pode pedir documentos a mais para fazer seu consórcio imobiliário ou até mesmo na hora do consórcio ser contemplado. Por isso é sempre importante ter esses documentos em mãos, mas confirmar se faltam outros e providenciá-los o quanto antes para garantir o sonho de sua casa própria.

    Agora que já sabe quais documentos precisa para ter seu imóvel, ainda resta alguma dúvida sobre o consórcio imobiliário?

    Deixe seu comentário para que possamos te ajudar!

    Nova chamada à ação