<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=408815549258573&amp;ev=PixelInitialized">

    É possível comprar uma casa em um momento de incertezas econômicas?

    Posted by Rodobens on Maio 2016

    e possivel comprar uma casa em um momento de incertezas economicas.jpg

    Com as incertezas econômicas do país, muita gente pendurou seus planos de comprar uma casa para quando o momento financeiro estiver mais propício.

    Embora o mercado imobiliário esteja sofrendo com as condições da economia, é exatamente o que abre uma porta para imóveis melhores e com preços mais baixos. Apesar disso, a dificuldade financeira e o orçamento apertado ainda exercem papel importante.

    Como fazer, então, para realizar a compra de um imóvel em meio à crise? Logo a seguir, você confere ótimas dicas para fazer isso do jeito certo.

    Defina quanto vai gastar

    O preço precisa ser um dos fatores que você vai levar em consideração antes de comprar o seu imóvel, especialmente considerando o momento de crise. Por isso, é necessário que defina de antemão o quanto pretende e o quanto pode gastar.

    Se você já tem dinheiro guardado ou vai receber grande quantia em pouco tempo – como o FGTS –, então o valor do imóvel pode ficar próximo desse valor. Já se a escolha for um financiamento, é preciso saber de quanto crédito você dispõe e isso, geralmente, está relacionado à sua renda.

    Como o financiamento pode comprometer, no máximo, 30% do seu salário, o valor do imóvel depende da sua renda. Para financiar um valor de R$ 200 mil em 30 anos com taxa de juros a 10% ao ano, por exemplo, é preciso ter uma renda entre R$ 5-6 mil. Abaixo disso, você vai precisar definir um valor menor para o imóvel desejado.

    Escolha a forma de pagamento ideal

    Por falar em financiamento, a escolha da forma de pagamento é uma das decisões mais cruciais em todo o processo de compra. Essa definição precisa se basear em quanto você possui disponível, qual a sua capacidade financeira em geral, qual tipo de imóvel desejado e quais suas expectativas para o futuro.

    Entre as opções estão a quitação à vista, o financiamento e o consórcio. Essa forma exige que você disponha de grande quantia para fazer o pagamento de maneira imediata. Apesar disso, você não paga taxa de juros e, assim, consegue um negócio melhor.

    Já o financiamento consiste em um crédito que é pago em prestações mensais ao longo de um período que pode chegar a 30 anos. Com a crise, a oferta de crédito cai e as taxas de juros aumentam, então você precisa levar isso em consideração antes de escolher.

    O consórcio, por sua vez, é uma espécie de financiamento em que um grupo de pessoas se junta para comprar o mesmo bem. Cada participante paga parcelas mensais e, a cada mês, uma pessoa é contemplada com o imóvel. As taxas são menores, já que é cobrada apenas taxa de administração.

    Planeje como dará a entrada

    Ao comprar uma casa, é muito comum que uma entrada seja exigida para que o negócio possa ter continuidade. É bom lembrar, no entanto, que isso é exigido apenas no financiamento, mas não no consórcio.

    Como essa entrada deve ser dada em dinheiro vivo, você precisa planejar como fará para dar esse valor. Pode ser o caso, por exemplo, de começar a juntar desde já para conseguir, em algum tempo, dispor do valor necessário para realizar a compra. Você também pode investir na venda de bens — como o carro — para levantar o dinheiro para a entrada.

    Em geral, quanto mais planejamento, melhor. Por isso, considere o valor do seu imóvel e identifique a entrada exigida — o valor pode variar de 10-50%. Com isso em mente, descubra a melhor forma de levantar esse dinheiro e se prepare para realizar essa entrada no momento adequado.

    Não tenha preguiça de pesquisar

    Com o valor definido e a forma de pagamento ideal para você, é hora de começar a pesquisar. Nesse momento, a preguiça precisa ser deixada de lado ou você não vai conseguir encontrar o imóvel realmente perfeito para as suas necessidades. Por isso, para uma pesquisa de sucesso é necessário que você defina corretamente as prioridades do seu imóvel. O que não pode faltar? Quais são os fatores mais importantes para a sua satisfação com a compra? Como é o imóvel dos seus sonhos?

    Defina isso corretamente e comece a se preparar para avaliar dezenas de imóveis diferentes. Embora seja necessário fazer concessões, com uma pesquisa adequada você encontrará o imóvel que melhor atenda às suas necessidades.

    Tenha ajuda profissional

    Comprar uma casa está longe de ser uma tarefa simples. Se decidir fazer isso de maneira solitária, pode ser ainda mais difícil garantir a compra do imóvel perfeito para você. Para evitar esse tipo de problema, tenha a ajuda de um profissional, como ao contatar uma imobiliária ou contar com um corretor para realizar a compra de maneira mais fácil.

    Dessa maneira, você garante um auxílio na definição do imóvel perfeito e na busca pela opção ideal, além de ver a burocracia sendo diminuída. Além disso, em um momento de crise é ainda mais importante se prevenir contra golpes e, por isso, ter profissionais ao seu lado é tão importante nesse momento de compra.

    Negocie da maneira certa

    Uma vez escolhido o imóvel perfeito para você, é possível conseguir condições ainda melhores. Como o setor imobiliário é um dos mais afetados pela crise econômica, é bem possível que os proprietários estejam encontrando dificuldades para vendê-lo. Sendo você um potencial comprador, pode negociar o preço e conseguir condições mais facilitadas. Se o pagamento for à vista, a liquidez permite que você negocie ainda mais.

    Mediante uma vistoria, se houve a identificação da necessidade de reformas e reparos, isso também pode ser usado como argumento para diminuir o valor do imóvel ou melhorar as condições de compra. Por isso, a negociação é um fator muito importante para que você seja capaz de comprar uma casa na crise com condições mais facilitadas e que se adéquem ao momento atual.

    Comprar uma casa na crise é possível, mas exige que você tenha mais planejamento e que siga algumas dicas práticas. Ao fazer isso, a garantia é de que você em breve terá as chaves do seu novo imóvel e poderá aproveitar a sensação de estar em um imóvel seu.

    O que você acha de realizar uma compra do tipo neste momento? Está encarando algum desafio sobre isso? Comente e participe!

    Nova chamada à ação

    Consórcio, investimento seguro e programado para aquisição de bens e serviços.

    • Sem Juros
    • Diversos planos e créditos
    • Sem Taxa de Inscrição
    Simular
    Consórcio!
    New Call-to-action

    Newsletter

    Categorias

    todos
    guia de compra do seu primeiro imovel