<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=408815549258573&amp;ev=PixelInitialized">

    O que avaliar em uma corretora de seguros na hora da contratação?

    Posted by Rodobens on Outubro 2016

    o que avaliar em uma corretora de seguros na hora da contratacao.jpg

    Quando fazemos qualquer tipo de negócio, devemos ficar sempre atentos a certos detalhes e seguir determinados critérios, não é mesmo? E por mais que existam alguns pontos gerais, que valem para todas, a verdade é que cada transação tem suas próprias características. No caso da contratação de uma corretora de seguros, por exemplo, quais são as recomendações? Confira agora mesmo algumas dicas que certamente o ajudarão a escolher uma boa empresa, receber os melhores serviços e ainda ficar satisfeito com o preço!

    Histórico da corretora

    É sempre bom conferir o histórico da corretora, avaliando pontos importantes como: tempo de atuação no mercado, reputação entre os clientes, credibilidade, relacionamento com as seguradoras e resseguradoras com as quais trabalha e assim por diante. A opinião tanto dos consumidores como de outras empresas deve sim ser levada em conta para que tome sua decisão final. Afinal, boas referências são sinais de que a empresa é idônea, trabalha com honestidade e não engana seus clientes para levar vantagens no negócio.

    Ao contratar uma empresa com muitos anos de existência, você terá muito mais segurança de que está fazendo um bom negócio. Até porque só uma empresa que preza pela excelência consegue se solidificar no mercado, firmando-se como referência ao longo dos anos. Pense bem: dificilmente, uma empresa desonesta consegue criar raízes, pois não encontra suporte legal nem fideliza clientes suficientes para se manter ativa. Então vale mesmo ficar atento a esse ponto!

    Valor da franquia

    Vamos apresentar agora uma relação que muitos consumidores talvez não conheçam: quanto maior é o valor da franquia, menor é o preço da apólice. Está tentando entender se isso é bom? Pois saiba que sim, é um ponto vantajoso, mas é preciso considerar que, escolhendo a franquia de valor mais alto, você deverá assumir todas as despesas que custem menos que o valor definido na apólice.

    Por isso, antes de assinar qualquer contrato, confira se o orçamento envolve a franquia escolhida caso haja algum sinistro — ou seja, caso o veículo venha a sofrer algum contratempo. Aproveite para checar se dentre as possibilidades de cobertura está incluída a ocorrência de um incêndio. Melhor prevenir que remediar!

    Abrangência da cobertura

    Por falar na abrangência da cobertura, é bom que saiba desde já que existe o seguro básico, mas existem também coberturas adicionais que, por mais que encareçam o valor da apólice, podem ser bastante úteis — dependendo, claro, das necessidades do segurado. Considere como básicas as coberturas contra roubos, furtos e danos provocados por colisões e incêndios.

    Pare e pense no que é melhor: pagar do seu próprio bolso para consertar o veículo de um terceiro ou pagar um seguro que cubra esse tipo de incidente? Em uma colisão, seu carro pode sofrer pequenas avarias, cujo custo para reparo você mesmo assumiria, como pode sofrer danos graves. Assim, se tivesse que arcar com as despesas desse conserto, seu orçamento ficaria bastante prejudicado. Sem contar que, no caso de furtos ou assaltos, a cobertura do seguro fará toda a diferença.

    Lembre-se de que, dependendo dos riscos a que seu automóvel estará sujeito, o valor pago por um seguro com coberturas adicionais é mais que válido, independentemente do preço. Se a região em que mora sofre com enchentes periódicas, por exemplo, é recomendável contratar um seguro com essa cobertura.

    A cobertura para danos materiais e corporais a terceiros se chama Responsabilidade Civil Facultativa de Veículos (RCF-V) e tem sido muito usada pelos consumidores devido ao tráfego cada vez mais intenso de veículos nas cidades brasileiras. Optar por essa cobertura pode aumentar o valor final do seguro em até 300 reais — o que pode ser um acréscimo pequeno diante das possíveis perdas.

    Contratação do básico

    No tópico anterior, frisamos a importância de contratar diversos adicionais de cobertura para evitar possíveis prejuízos maiores a seu bolso. Agora, vamos ressaltar a necessidade de só contratar realmente as coberturas essenciais! O que isso quer dizer? Que se você exagerar na hora de escolher adicionais para seu carro, pode apenas ter mais gastos sem nenhum retorno.

    Veículos usados diariamente para ir ao trabalho ou levar as crianças à escola naturalmente estão mais sujeitos a perigos que aqueles que vivem parados, dentro da garagem, movimentando-se com menos frequência. Para os primeiros, bons exemplos de coberturas adicionais são: carro reserva e assistência 24 horas.

    Se costuma usar transporte público para chegar ao trabalho ou à faculdade, não há necessidade de pagar a cobertura relativa a carro reserva, por exemplo, mas você pode manter a assistência técnica. Caso sua região não corra riscos de enchentes, por exemplo, para que adicionar mais esse serviço no seguro? É preciso se ater a fatos para calcular as possibilidades que justifiquem a contratação dessa ou daquela cobertura.

    Orientação do corretor

    Uma maneira de garantir uma boa escolha da corretora de seguros é contar com a orientação de um profissional especializado para ajudá-lo a pensar na cobertura ideal para seu caso, comparar os preços praticados no mercado e analisar as condições de pagamento, observando se tudo está dentro da lei e atualizado.

    Dessa forma, você consegue ter muito mais segurança de que está aproveitando as melhores ofertas, ao mesmo tempo tirando de si o peso de ter que se preocupar com os mínimos detalhes ou de correr o risco de fazer um mau negócio por pura falta de conhecimento.

    Por fim, é preciso ressaltar que, como forma de agregar serviços e satisfazer os clientes, a maior parte das seguradoras oferece descontos aos proprietários que cuidam bem da segurança de seus automóveis, reduzindo as possibilidades de riscos. As seguradoras consideram especialmente os cuidados tidos com o carro durante a noite, sendo que o desconto para o segurado costuma variar entre 5% e 10%, de acordo com o período que o carro passa dentro de garagens privativas ou estacionamentos. Além disso, o uso de dispositivos antifurto (como bloqueadores ou rastreadores) também ajuda a obter descontos.

    Agora nos conte: o que leva em conta quando vai contratar uma corretora de seguros? Já conhece a Rodobens Corretora de Seguros? Saiba mais visitando o site da empresa e confira os serviços oferecidos por uma das maiores corretoras de seguros do Brasil.

    Consórcio, investimento seguro e programado para aquisição de bens e serviços.

    • Sem Juros
    • Diversos planos e créditos
    • Sem Taxa de Inscrição
    Simular
    Consórcio!
    New Call-to-action

    Newsletter

    Categorias

    todos
    guia de compra do seu primeiro imovel