<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=408815549258573&amp;ev=PixelInitialized">

    Planejamento familiar: o que é preciso para receber o primeiro filho?

    dicas, dicas-para-poupar, educacao-financeira, conquista-sonhos

    A chegada do primeiro filho é um momento simplesmente inesquecível na vida de qualquer pessoa, marcando o começo de uma nova fase. São muitas as mudanças na rotina, nas prioridades e até mesmo nas finanças. Justamente por isso, é essencial estar preparado. E é aí que entra a importância do planejamento familiar. Acredite: conhecer a aplicar algumas ações antes dessa transformação pode tornar o processo muito mais simples e prazeroso para todo mundo.

    Lembre-se sempre de que, como o nascimento de um filho é uma mudança definitiva, merece ser planejado com atenção, cuidado e muito envolvimento. Que tal entender agora mesmo quais estratégias devem ser adotadas pela família antes desse tão esperado momento? Acompanhe a leitura e se prepare para os novos (e bem felizes) dias de sua vida!

    Converse bastante

    É claro que um filho é sempre um grande presente para o casal. Por mais que seja desafiador e demande muito esforço e dedicação, a sensação de gerar uma vida e criar uma pessoa é extremamente gratificante. Isso sem falar em todo o amor envolvido! Mas para que tudo aconteça da melhor forma possível, é essencial que haja diálogo entre o casal.

    Antes de tomar uma decisão como essa, é preciso conversar bastante. Compartilhe seus planos e seus sonhos. Deixe que a pessoa que está com você saiba quais são suas expectativas e metas. E, é claro, escute atentamente o que o outro tem a dizer. Conhecendo os planos um do outro e buscando juntos um caminho, fica muito mais fácil se preparar para a chegada de um novo membro da família. Imagine como vai ser bom descobrirem juntos o momento ideal para dar esse passo e que mudanças devem ser feitas!

    Organize as finanças

    É bastante comum ouvirmos por aí que para tudo dá-se um jeito ao saber de uma gravidez. É claro que uma das maiores preocupações é com as finanças do casal, já que a chegada de um bebê demanda uma série de novos gastos e investimentos. E por mais que a máxima seja sim verdadeira, com a família eventualmente se adaptando à nova realidade e encontrando formas de cobrir os gastos extras, organizar as finanças no momento do planejamento é um ótimo caminho.

    Entender as receitas e os gastos atuais, estimar o aumento nas despesas e traçar planos para suprir essas novas demandas: tudo isso é muito importante. Com a organização das finanças é possível, inclusive, detectar a necessidade de criação de uma poupança que poderá ser usada pelo casal a partir da chegada do primeiro filho. Portanto, vá sem medo: avalie as contas bancárias, os extratos mensais e pense no futuro!

    Prepare o espaço

    A chegada de um bebê demanda alguns ajustes na casa da família. Antes de tudo, o planejamento familiar é o momento para se pensar sobre sua moradia. Se você tem planos de se mudar, porque o apartamento é pequeno, por exemplo, ou por qualquer outra razão, essa provavelmente é a hora ideal. Quem sabe não dá para conquistar a casa própria para começar essa nova etapa em grande estilo?

    É importante pensar nas necessidades do bebê, como um quarto só para ele, além de todas as questões de segurança, tais como grades na janela, cobertura das quinas, contratação de um seguro, entre tantos outros detalhes. Afinal, assim que começam a engatinhar, as crianças tendem a exercitar sua curiosidade nos lugares mais surpreendentes. Assim, para que seu filho não corra riscos, é importante pensar na preparação do espaço desde cedo!

    Cuide da mente e do corpo

    A gravidez é um momento muito importante para toda a família. Nesse período, a mulher gera uma vida dentro de si, ao mesmo tempo em que o casal se prepara para uma fase completamente diferente na vida, quando uma pessoa vai se tornar dependente deles para tudo. Por isso, é essencial estar com o corpo e a mente bem preparados.

    Para além de todos os exames que a futura mãe deve fazer, é preciso prestar atenção nos hábitos da família logo que o casal decide engravidar. Uma alimentação mais balanceada, horas de descanso, atividades que aliviam o estresse e tudo mais que possa ajudar na preparação para a chegada do filho: esse pacote de ações também deve fazer parte do planejamento familiar.

    Fique de olho nos detalhes

    O planejamento familiar é importante justamente porque são muitos assuntos e informações que devem ser levados em conta no momento da decisão de aumentar a família. Diante de tanta coisa, é mais que natural que os pais se esqueçam de alguns aspectos que, no fim das contas, podem fazer toda a diferença. Já com um planejamento, tudo fica mais fácil.

    Com tempo de sobra para pensar em cada ponto, você não deixa passar detalhes como o carro da família, por exemplo. Se o carro atual é muito pequeno, talvez seja uma boa hora para fazer a troca por um modelo mais adequado para a instalação da cadeirinha do bebê. E que tal aproveitar para providenciar aqueles acessórios indispensáveis? Pensar e antecipar essas pequenas questões pode tornar todo o processo mais simples e bem-sucedido. Afinal de contas, não é isso que toda família quer?

    Aproveite bem o tempo

    Não é por acaso que o tempo de gestação de um bebê é de 9 meses. Além de ser o período que o feto precisa para se formar e desenvolver, esse prazo ajuda os pais a se prepararem para a chegada do novo membro da família. E aqui, mais uma vez, entra a importância do planejamento familiar. Que tal estabelecer metas e prazos para os combinados do casal? Se pretendem começar a tentar engravidar, já dá para pensar em como serão os próximos meses, não é mesmo?

    Ver a família crescer é uma grande realização. E fica ainda melhor quando cada passo é planejado e as decisões são tomadas de forma consciente e bem pensadas. Isso acaba tendo um grande impacto na rotina da família, que se torna mais completa e bem estruturada. E tudo isso faz do planejamento familiar uma etapa muito importante na vida do casal. Conversar, decidir cada passo e fazer os ajustes necessários para que tudo flua conforme o esperado: esse passo a passo dá segurança para enfrentar os desafios e as transformações da vida dali em diante.

    Agora que você já entende a importância do planejamento familiar, é só colocar essas ações em prática e se preparar para a chegada do primeiro filho! E não deixe de compartilhar sua experiência conosco, postando aqui um comentário!