<img height="1" width="1" alt="" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=408815549258573&amp;ev=PixelInitialized">

    Saia do aluguel: 9 riscos que as dívidas trazem para a sua saúde

    Posted by Rodobens on Junho 2016

    saia-do-aluguel-x-riscos-que-as-dividas-trazem-para-a-sua-saude.jpg

    Noites em claro, cabeça a milhão e nada de resolver os problemas com as dívidas. E para piorar a situação, o aluguel aumentou. As dívidas não são as melhores amigas de uma boa saúde: causam estresse, depressão e problemas nos relacionamentos, afetando cada dia mais sua vida de forma geral.

    Apesar disso, algumas soluções podem ser tomadas, por exemplo, a compra da casa própria. Os gastos diminuirão e sua vida poderá ser colocada em ordem mais facilmente. Saia do aluguel e tenha a sua saúde de volta para evitar os seguintes problemas.

    Insônia

    O sono é a forma que o organismo encontrou de repor as energias e restabelecer o organismo para mais uma jornada de atividades do dia seguinte. A insônia é exatamente o oposto dessa recuperação do corpo: é a falta de sono devido à agitação, sono leve e conturbado e sono sem descanso.

    A insônia pode trazer malefícios como: irritabilidade, sonolência ao longo do dia, pressão alta e um sistema imunológico fraco e desprotegido.

    Estresse e ansiedade

    Quando o telefone toca ou chega alguma carta de cobrança, os sintomas do estresse e da ansiedade aparecem. Isso ocorre porque o cérebro envia dois hormônios para o organismo que são diretamente relacionados com essa situação mental: a adrenalina e o cortisol.

    Com uma injeção diária desses dois hormônios, o organismo pode sofrer grandes problemas, como pressão alta, colesterol alto, derrame, infartos, diabetes, triglicerídeos em alta e até mesmo a obesidade.

    Problemas com relacionamento

    Existe uma frase que diz “Quando o dinheiro acaba, o amor sai pela janela”. Além de ser uma frase de impacto, pensemos no seguinte: uma relação que não foi construída na base da confiança e do companheirismo, quando é relatado a falta de dinheiro e a grande quantidade de dívidas, com certeza já chegou em seu limite crítico.

    Os problemas de relacionamento causados pelas dívidas são inúmeros e diversas famílias são destruídas por causa disso. Aqui vale lembrar: por pior que seja a situação, compartilhe com seu parceiro. As soluções são melhores quando compartilhamos nossos problemas e duas pessoas pensam em soluções para eles.

    Conte para o seu parceiro suas dificuldades e ideias e não deixe que as dívidas e o estresse acabem com o seu relacionamento.

    Falta de concentração

    Quem consegue se concentrar com um monte de números e contas rondando os pensamentos, não é mesmo? A falta de concentração pode acarretar diversos problemas, profissionais e pessoais. Dados indicam que muitos acidentes de trânsito podem ser causados pela falta de concentração. Sendo assim, faça exercícios de relaxamento, como a meditação, deitando-se por 5 minutos em silêncio. Passeie também por lugares em que possa ter contato com a natureza.

    Problemas no trabalho

    Quando os problemas são as dívidas e queremos logo resolver essa questão, além da irritabilidade, ansiedade, estresse e uma possível depressão, gastamos horas durante o tempo de trabalho fazendo contas e tentando organizar nossa vida financeira. Isso é um passo para piorar a situação, porque o rendimento despencará. Os prazos serão mais curtos para resolver as questões do trabalho e, ainda, o resultado não será tão bom quanto o esperado.

    Dedique-se ao seu trabalho, concentre-se nele e dê o melhor de si, mesmo com as dívidas pairando no ar. Isso fará com que você consiga manter sua fonte de renda mensal e esquecer um pouco dos seus problemas financeiros, aliviando a tensão.

    Vida social zero

    Quando precisamos economizar, o primeiro corte vem da vida social, o que é o mais responsável a se fazer. Mas o radicalismo de tornar a vida social zero trará ainda mais estresse.

    Por pior que seja sua situação, pense em uma solução. Se você tinha o costume de sair todos os finais de semana, saia um final de semana por mês em vez de quatro.

    Dores de cabeça

    As dores de cabeça e as enxaquecas, muitas vezes, são causadas pelo estresse. Quando falamos “isso vai dar dor de cabeça”, não é somente no sentido figurado. Realmente, há situações que ocasionam o aparecimento das dores de cabeça e da enxaqueca.

    Quando estamos com preocupações, nossos hábitos mudam como uma cadeia de acontecimentos. Perder noites de sono, estar sob estresse diário, consumir alimentos com muita cafeína e ficar sem comer por horas prolongadas são alguns hábitos que podem acarretar as dores de cabeça e piorar a situação da sua saúde.

     Alguns dos problemas de saúde citados são os mais aparentes em situações de problemas financeiros, mas existem diversos outros. Quem já passou por endividamentos graves sabe como é doloroso perder tudo ou perder a estabilidade na vida.

    Para que você comece a melhorar a sua situação financeira e retomar a sua vida de forma saudável e consciente, vale a pena investir em algo que fará com que seus gastos diminuam. Alguns cálculos e um pouco de paciência podem ser a fórmula para que você saia do aluguel e consiga recuperar sua vida financeira. Uma boa solução para a compra do imóvel é o consórcio

    Você está enfrentando algum tipo de pressão? Problemas financeiros? O que eles trouxeram para sua vida? Você se identificou com o post? Comente!

    Consórcio, investimento seguro e programado para aquisição de bens e serviços.

    • Sem Juros
    • Diversos planos e créditos
    • Sem Taxa de Inscrição
    Simular
    Consórcio!
    New Call-to-action

    Newsletter

    Categorias

    todos
    Como funciona o consórcio de imóveis