298918-alteracao-da-carta-de-credito-saiba-o-que-e-e-como-funciona

Alteração da carta de crédito: saiba o que é e como funciona

Setembro 2019

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

O consórcio é uma modalidade de compra que vem crescendo bastante. Você sabe como funciona? O grupo participante paga uma cota e a cada mês acontece um sorteio. O contemplando recebe o valor e pode gastar comprando um bem ou imóvel. Mas, será que pode ter alteração na carta de crédito?

Essa é uma dúvida comum quando tocamos no assunto. Será que pode mudar o valor? Como isso funciona? É uma escolha vantajosa? São muitos questionamentos. Porém, pode ter calma, pois nós vamos ajudar. Se essas dúvidas estão rondando seus pensamentos, então seus problemas acabaram. Vamos falar sobre essa alteração e explicar quando é melhor fazer. Prossiga com a leitura e fique por dentro do assunto.

O que é alteração de carta de crédito?

É muito comum que, no meio do consórcio, os planos da pessoa mudem ou as necessidades se alterem. Afinal, esse é um investimento de longo prazo. Por isso, muitas administradoras permitem que seja feita a alteração do valor até a hora da contemplação. Mas, só é possível se o grupo em questão disponibilizar outras cartas de créditos.

Ele é determinado usando um bem referencial e as parcelas são calculadas a partir disso. O consorciado, quando é contemplado, pode comprar o item, independentemente da sua marca ou modelo. O que é obrigatório é que ele seja da mesma categoria do que está no contrato.

Como ela funciona?

Caso você tenha interesse em fazer a alteração da carta de crédito, é importante saber que ela tem que ser feita antes da contemplação. A escolha deve ser realizada dentro das faixas de valores que preexistem no grupo do consórcio e o processo de mudança será analisado pela administradora.

A empresa verificará se o grupo tem condições de suportar o valor e terá que recalcular a nova parcela. Além disso, será feita uma pesquisa para saber se o cliente consegue honrar esse novo compromisso. A mudança pode ser feita tanto para mais quanto para menos. O que vai acontecer com essa diferença fica de acordo com o que está no contrato.

Para não ser surpreendido, é extremamente importante estar atento ao que diz o documento que assinou na hora de fechar o consórcio. Verifique todas as condições que estão previstas lá e não deixe de entrar em contato com a empresa para tirar as suas dúvidas.

Quando essa troca é vantajosa?

Essa modalidade de compra, como bem sabemos, é uma oportunidade de planejar e adquirir um bem de consumo. A possibilidade da troca da carta de crédito é quase uma garantia de que os pagamentos vão proporcionar aquilo que é do seu interesse.

Essa flexibilidade pode ser utilizada em diversas situações. Por exemplo, imagine que você fechou um contrato, mas, no meio do caminho, a família aumentou. Então, aquele carro do início não serve mais, sendo necessário trocar. Além disso, ela pode ajudar a adequação de valores caso o seu padrão de vida mude.

Sendo assim, o valor não se torna um problema quando decide fazer a contratação de um consórcio. Com a possibilidade da mudança, sempre vai existir um meio para adequá-lo às suas metas sem causar prejuízos na sua vida financeira.

Viu só? A alteração da carta de crédito, quando possível, pode ser muito vantajosa. Ela vai ajudar a se adequar aos valores atuais em caso de qualquer imprevisto financeiro ou qualquer outro tipo de mudança. Só fique atento ao que foi definido no seu contrato e, sempre que tiver dúvidas, não hesite em entrar em contato com a administradora.

E aí, está em busca de uma boa administradora de consórcio? Pois achou! Nós, da Rodobens, temos as melhores condições para você. Não perca tempo e entre em contato!

Comentários