amortecedor de caminhão

Aprenda a identificar sinais de desgaste do amortecedor de caminhão

Junho 2019

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

O amortecedor de caminhão é um item essencial para todos os motoristas, já que ele desempenha diversas funções. Essa peça é responsável pela segurança e pelo conforto de quem está conduzindo o veículo, ainda mais quando ele está cheio de carga.

Logo, a preocupação com a condição dos amortecedores deve ser constante entre os motoristas, ainda mais quando consideramos o estado precário de conservação de boa parte das estradas brasileiras.

Quer saber como manter essa manutenção em dia? Então, fique com a gente e descubra os sinais que indicam que está na hora de trocar essa peça tão importante do seu companheiro de viagens!

Ruídos estranhos ao dirigir

O surgimento de barulhos estranhos quando o veículo está rodando é um importante indício de que a condição dos amortecedores não vai bem. Os ruídos mais comuns quando esses componentes estão desgastados são estalos e batidas com som "seco".

Eles ficam mais altos à medida que o amortecedor vai ficando mais velho ou em momentos em que são essas peças são mais exigidas — em trajetos em que o caminhão está cheio, por exemplo.

Perda de estabilidade ao volante

Agora, passamos para um problema que decorre do fato de que, às vezes, os amortecedores não estão desgastados por igual. E isso pode ser agravado por causa da má distribuição do peso da carga na carroceria.

Com menos estabilidade, o caminhão pode se inclinar para um dos lados, fazendo com o volante vá junto. A complicação fica ainda mais evidente em curvas, obrigando o motorista a reduzir bruscamente a velocidade, o que é sempre algo perigoso.

Vazamentos do amortecedor de caminhão

Enquanto os ruídos anormais e a perda de estabilidade só aparecem nas horas em que o motorista está guiando o caminhão, o vazamento é fácil de ser visto mesmo com o veículo parado.

O amortecedor trabalha com um sistema hidráulico, com fluídos que ajudam no trabalho de amortecimento. Se o amortecedor estiver sujo dessa substância, é provável que estejam ocorrendo vazamentos, e isso indica que algo não está conforme o esperado. Sem o funcionamento pleno da parte hidráulica do amortecedor, o veículo pode perder sua capacidade de absorver os impactos.

Desgaste anormal dos pneus

Lembra que falamos que os amortecedores podem não se desgastar por igual? Além de gerar instabilidade durante a condução, o desequilíbrio faz com os pneus sejam consumidos sem padrão. E esse é mais um sinal bem fácil de notar e que indica que os amortecedores estão no fim da sua vida útil.

Falha nas frenagens

Chegamos a outro sinal de desgaste que compromete a segurança do condutor. Com os amortecedores desgastados, o caminhão tem mais dificuldade em manter os pneus em contato com o solo.

Logo, em trechos com piso irregular, o caminhão pode ficar suspenso durante breves momentos. Essa perda de contato com o solo dificulta a frenagem, já que há uma geração menor de atrito, o que torna necessário um espaço maior na pista para suspender a movimentação do veículo.

Trincos nos feixes das molas

Amortecedores que não estejam em bom estado podem fazer com que os feixes das molas dobrem mais que o limite e, assim, gerar trincos nesses componentes. Ou seja, se forem percebidas fissuras ou mesmo quebra total dessas peças, é bem provável que os amortecedores estejam necessitando de substituição.

Como vimos neste conteúdo, o amortecedor de caminhão é um componente sensível, cuja condição de uso deve ser acompanhada de perto, tanto pela segurança quanto pelo conforto de quem está rodando com o veículo. Por isso, a qualquer sinal de anormalidade, cheque o que está acontecendo.

E o que você costuma observar para avaliar seus amortecedores? Deixe nos comentários sua dica!

Comentários