305470-carta-de-credito-para-moto-entenda-como-funciona

Carta de crédito para moto: entenda como funciona!

Outubro 2019

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Os consórcios se estabeleceram como uma das formas mais procuradas por brasileiros para adquirir e investir em bens e serviços por vezes considerados caros, como carros, motos, casas e até mesmo viagens internacionais.

Embora os consórcios sejam uma prática bastante conhecida no país, muitas pessoas têm dúvidas sobre o assunto. Por isso, vamos tirar as principais dúvidas sobre a carta de crédito para moto. Continue a leitura e entenda o que é a carta de crédito, como ela funciona e como é possível utilizá-la.

O que é carta de crédito em consórcio?

Os consórcios são ofertados e gerenciados por administradoras que abrem grupos de compradores interessados em adquirir um mesmo bem. De forma autofinanciada, com o pagamento de parcelas pelos participantes do grupo, mensalmente são realizados sorteios para contemplar um dos cotistas do consórcio com a carta de crédito.

Essa premiação garante ao participante o direito de receber o bem em questão. Contudo, lembramos que ser sorteado não significa a quitação total do consórcio, visto que é possível ser contemplado logo nos primeiros sorteios. A obrigação para com as parcelas continua até o fim do período previsto para todo o grupo.

Como funciona a carta de crédito para moto?

A carta de crédito para moto funciona da mesma forma que em outros consórcios. Ou seja, com o pagamento das parcelas mensais, os cotistas do consórcio serão sorteados e, a partir da contemplação, podem reivindicar o bem em questão.

A carta de crédito não é entregue em dinheiro. Após a contemplação, o cotista tem até o fim do período previsto para o consórcio para reivindicar a moto junto à administradora. Caso o contemplado desista da aquisição, a administradora deverá depositar o valor da carta de crédito em uma poupança que ficará disponível para saque por seis meses.

Um detalhe importante a se ressaltar é que o cotista normalmente é contemplado com a carta de crédito por meio dos sorteios mensais, porém, é possível dar lances maiores nas parcelas para tentar ser contemplado mais rapidamente. 

O que é possível fazer com a carta de crédito para moto?

Além de reivindicar o prêmio previamente definido pelo consórcio, é possível utilizar a carta de crédito de outras formas. Por exemplo, se o cotista foi contemplado, mas mudou de ideia sobre o modelo da moto que deseja, ele pode utilizá-la para adquirir uma moto de valor inferior e ser restituído da diferença, que, por sua vez, pode ser utilizada para quitar dívidas ou adquirir outros bens.

A carta de crédito pode também ser usada para dar um lance em um consórcio de valor superior. Além disso, ela pode ser validada como crédito em um novo consórcio para quitá-lo de forma mais rápida. Mas, devemos salientar que as condições para esse tipo de uso das cartas de crédito variam e dependem das regras sob as quais a administradora do consórcio opera. Para consultar mais informações sobre consórcio de moto, acesse a loja de consórcio da Rodobens!

E se você quer saber mais sobre as cartas de crédito para moto, tipos de consórcio, modalidades e vantagens oferecidas, além de receber dicas para se manter bem-informado, siga as nossas redes sociais! Você nos encontra no Facebook, Instagram, Twitter, LinkedIn e YouTube.

Comentários