Como saber se meu nome está sujo?

Abril 2020

4 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Ter o nome sujo, termo popular para se referir ao processo de inclusão dos devedores nos cadastros de proteção ao crédito, é algo que ninguém quer. Seja porque as contas de casa apertaram e com isso as dívidas se acumularam, seja por ter esquecido de pagar um boleto: ninguém gosta de lidar com as consequências desagradáveis dessa situação.

Mas "como saber se meu nome está sujo?", você deve estar se perguntando. Ter acesso rápido a essa informação é fundamental, uma vez que evita uma série de constrangimentos e ajuda no planejamento para sair dessa situação.

Por isso, neste post, vamos mostrar o que significa estar com o nome sujo, quais são as consequências disso e como saber qual a sua condição. Além disso, vamos indicar como melhorar seu score. Boa leitura!

Quais são as desvantagens de ter o nome sujo?

"Nome sujo" é termo utilizado para se referir a um consumidor que teve seu nome incluído nos cadastros de inadimplentes das empresas de proteção ao crédito. Outra forma normalmente utilizada para se referir a esse problema é o "nome negativado".

Mas para que servem esses cadastros e quem os mantém? Eles são mantidos pelos chamados "birôs de crédito", empresas que gerenciam enormes bases de dados com informações de milhões de consumidores.

A partir disso, elas usam a tecnologia para elaborar padrões de consumo e indicar perfis com mais ou menos chances de não honrar seus débitos, levando em conta o histórico de cada pessoa. Isso pode ser feito tanto pela lista de inadimplentes quanto pelo score (do qual falaremos mais abaixo), entre outras ferramentas disponíveis.

Um exemplo ajuda a entenda melhor a função desses cadastros de devedores e quais as desvantagens de ter seu nome incluído nessa lista. Imagine a situação na qual você pretende financiar um carro novo. Para isso, será necessário procurar uma instituição financeira, entregar seus documentos e passar por uma análise de crédito.

Essa análise avaliará principalmente sua capacidade de pagamento e quais as chances de que o financiamento não seja honrado. É aí que entra o serviço dos cadastros de proteção ao crédito.

É bem provável que a instituição financeira faça consultas a eles no processo de análise de crédito. Dessa forma, se seu nome não estiver sujo (ou seja, se ele estiver fora das listas), as chances de ter o financiamento aumentam muito. Por outro lado, a presença na lista de devedores as reduzirá bastante.

Isso acontece porque as empresas veem o risco de calote aumentar ao perceber que quem está solicitando o crédito tem o nome sujo e, como forma de proteção, recusam o financiamento, empréstimo ou crediário.

É por isso quem tem o nome sujo na praça tem dificuldades em fazer empréstimos, compras a prazo ou mesmo ter um cartão de crédito: o risco para as empresas se torna maior e reduz a possibilidade de aprovação dessas operações. E quando alguma linha de crédito é liberada, ela costuma ter juros maiores ou outras condições desfavoráveis.

Como saber se o seu nome está sujo?

Embora seja importante ter controle sobre todas as nossas informações financeiras, é comum que muitas pessoas não saibam que seu nome foi incluído e só recebam a notícia quando tentam fazer alguma operação de crédito. Por isso, é fundamental saber como anda seu nome.

As empresas credoras podem enviar o nome dos devedores para essas listas a partir do primeiro dia de atraso. No entanto, é comum que elas adotem um prazo específico para tomar essa atitude, tentando negociar com o cliente.

Todavia, depois que esse tempo se esgota, e o nome é enviado aos serviços de proteção ao crédito, o consumidor recebe uma notificação por carta e tem até 5 dias úteis para resolver a pendência. Caso contrário, o nome aparecerá nas listas caso seja consultado. Abaixo, indicamos como consultar os principais cadastros de devedores.

Serasa

E possível ver se seu nome foi parar no Serasa pelo site Serasa Consumidor, sem qualquer custo. Para isso, é necessário acessar o endereço ou o aplicativo, criar um cadastro com seu CPF e dados pessoais, inserindo um e-mail e uma senha. Depois disso, é possível consultar as pendências, bem como as empresas responsáveis e as datas em que a inclusão aconteceu.

Boa Vista

Essa empresa também oferece a consulta gratuita pela Internet, de forma similar à do Serasa. Para isso, é disponibilizado o site Consumidor Positivo, no qual, depois de um cadastro, é possível conferir as pendências existentes.

SPC Brasil

Nesse caso, não é possível fazer a consulta online gratuitamente. O custo para saber pelo site se o nome está sujo é de R$ 9,90. Quem não quer pagar por isso deve se dirigir a um dos pontos de atendimento, com documento de identificação em mãos.

Vale sempre lembrar: o seu nome pode estar em uma das listas e não em outras. Então, em muitos casos, é recomendável consultar mais de uma empresa de proteção ao crédito.

O que fazer para aumentar o score de crédito?

Certo, seu nome não está sujo, mas, mesmo assim, você teve a proposta de financiamento ou empréstimo recusada. A razão pode ter sido um score baixo. Esse número, que vai de 0 a 1.000, estipula quais as chances de uma pessoa deixar de honrar seus compromissos. Quanto mais perto do 1.000, menor ela é.

O score leva em conta o histórico de pagamentos. Logo, quanto melhor pagador alguém for, maior o seu score. Se o seu score estiver baixo, é possível aumentá-lo, pagando seus débitos sempre em dia. Para saber esse número, basta consultar os sites informados acima — por meio do cadastro criado, você consegue ver o seu score.

Quem está pensando em um contratar consórcio também deve ficar de olho na sua situação. Embora não seja necessário ter o nome limpo na hora da contratação, no momento de usufruir da carta de crédito depois da contemplação, o consorciado deverá estar com seu cadastro em situação regular.

Ainda assim, o consórcio para negativado pode ser uma boa opção, uma vez que torna possível planejar para reverter a situação enquanto se investe no próprio patrimônio.

Da próxima vez que você parar e se perguntar, "afinal de contas, como saber se meu nome está sujo?", é só utilizar as informações deste post, tudo bem? Em todo caso, é sempre bom organizar as finanças para evitar que esse problema apareça na sua vida.

Após seguir nosso passo a passo, você viu que seu nome está sujo? Não se desespere! Veja algumas estratégias do que fazer para limpá-lo.

Comentários