Consórcio de imóveis vai além da casa própria: saiba mais!

Julho 2015

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

O mercado imobiliário é um segmento que sempre será uma boa opção para os que buscam investir seu dinheiro. Esse mercado frequentemente passa por altos e baixos, mas nunca deixa de ser procurado, tanto por investidores quanto por quem deseja adquirir um imóvel para uso próprio.

A casa própria sempre será um bem desejado por muitos. Contudo, está longe de ser o único objetivo de quem faz um consórcio imobiliário.

O consórcio de imóveis é uma forma de investimento bastante acessível para grande parte da população, por ser possível o pagamento de parcelas de menos de R$ 500,00 ao mês, por exemplo.

Através de um consórcio imobiliário, o investidor elimina os juros que existem em uma operação de financiamento.

E, embora existam algumas taxas de administração, seu custo continua sendo muito menor se comparado aos da outra modalidade.

Com todas essas facilidades, investidores podem lançar-se nesse mercado de diversas formas.

Eles podem investir em salas comerciais para uso próprio ou para alugar, para esperar uma valorização futura de um imóvel qualquer, entre outros.

Se você quer saber mais sobre o assunto, não deixe de conferir o nosso post de hoje:

CTA_Como-funciona-o-consórcio-de-imóveis

Invista para alugar no futuro

Antes de realizar qualquer investimento, é preciso analisar os riscos e o potencial de valorização de um imóvel, de acordo com sua localização. Se estiver pensando em investir em salas comerciais, em especial, a localização é um quesito fundamental.

Mesmo que esse tipo de investimento possa parecer alto, vale dizer que, a partir do momento em que essa sala comercial for alugada, ela provavelmente passará a render lucros que pagarão parcial ou totalmente as parcelas do consórcio.

Na prática, o investidor costuma pagar algo entre 30 a 35% do imóvel com o dinheiro do seu bolso. É o que ele gastará com o lance para contemplação, mais taxas de administração e algumas parcelas do consórcio, antes de efetivar o aluguel.

 

Invista para vender na entrega das chaves

Outra sugestão de investimento é adquirir um imóvel de um empreendimento novo, com um bom potencial de valorização.

Esses imóveis têm o seu valor elevado desde o momento que você recebe suas chaves e, por isso, são uma ótima opção de negócio. Além disso, o investidor pode também avaliar se o momento é bom para vender e utilizar o capital em outra aplicação.

Imóveis na planta são o melhor exemplo de investimento de rápida valorização.

Ao adquirir a carta de crédito de um empreendimento, que é um lançamento imobiliário, é interessante que o comprador planeje com cuidado o pagamento do bem, pois é interessante que ele seja vendido logo que ocorrer a entrega das chaves.

Nesse tipo de operação, há alguns riscos que podem resultar na desvalorização do imóvel, como atraso de obras, entregas diferentes do memorial descritivo, problemas com a documentação etc.

Portanto, é importante avaliar se a construtora responsável pela obra do imóvel tenha um bom nome no mercado.

 

Busque uma operadora reconhecida no mercado

Um quesito importante para fazer esse tipo de negócio é o planejamento.

É fundamental, nesse momento, receber a orientação de uma operadora de consórcio — que seja forte no mercado e reconhecida nesse segmento. Essa empresa intermediadora saberá guiar melhor o investidor no momento da tomada de decisões, diante das hipóteses sugeridas.

Pensando em investir no mercado imobiliário? Conhece outras possibilidades de investimento a serem feitas através dos consórcios? Conte para a gente!

Nova chamada à ação

Comentários