Entenda o que é a contemplação por lance embutido

Fevereiro 2017

5 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

61566-entenda-o-que-e-a-contemplacao-por-lance-embutido.jpg

Consórcios são soluções muito práticas para quem quer adquirir um carro, uma casa ou até fazer um intercâmbio. É isso mesmo: a modalidade engloba tanto produtos como serviços! E como não cobram juros, os consórcios ainda são mais baratos que os tradicionais financiamentos bancários, além de serem muito mais simples de contratar.

Na prática, porém, nem todo mundo pode (ou quer) contar com a sorte, esperando a contemplaçãoacontecer naturalmente. Aí entra a possibilidade de dar um lance imbatível para antecipar o recebimento da carta de crédito. Mas e quando você não tem dinheiro suficiente? Pensando justamente nesse tipo de cenário é que algumas administradoras oferecem a opção do lance embutido.

Confira neste post o que você precisa saber sobre essa opção, entendendo direitinho seu funcionamento e descobrindo como o lance embutido pode ser uma boa saída para acelerar sua contemplação no consórcio! Vamos lá?

Como acontece a contemplação?

São 3 as possibilidades de ser contemplado no consórcio:

  1. por sorteio: mensalmente, um sorteio é realizado durante a assembleia, contemplando um ou mais consorciados, de acordo com o número da cota;
  2. no encerramento do grupo: todos os consorciados que não foram contemplados ao longo do consórcio recebem suas cartas de crédito ao fim;
  3. por lance: o consorciado que quer resgatar sua carta de crédito mais rapidamente pode antecipar o valor de algumas parcelas.

O sorteio depende, é claro, da sorte. Já a espera pelo encerramento do grupo pode levar muito tempo, acontecendo depois de concluído o prazo de pagamento de todas as parcelas. Portanto, para quem quer acelerar o processo, o lance é a melhor alternativa.

Como acelerar o processo?

Quem deseja controlar o prazo de recebimento da própria carta de crédito pode participar dos leilões que acontecem nas assembleias mensais. Para isso, antes do evento, os interessados devem enviar suas propostas à administradora, informando quantas parcelas estão dispostos a antecipar. É exatamente isso que é conhecido como lance!

O vencedor do leilão é aquele consorciado que se dispõe a antecipar o maior número de parcelas, o que significa que ele deve estar preparado para desembolsar uma quantia expressiva. Mas sabia que essa quantia não precisa necessariamente vir dos próprios recursos do contemplado? Existe um jeito de conseguir ajuda extra: o lance embutido.

O que é o lance embutido?

Quando o consorciado opta por fazer sua oferta usando só o lance embutido, ele não precisa desembolsar nenhum valor do próprio bolso para o pagamento. E se ele tiver recursos, mas quiser dar uma força extra no lance, pode somar as 2 opções, usando tanto recursos próprios como o lance embutido.

Nesse caso, o consorciado abre mão de parte do valor da sua carta de crédito para fazer sua oferta. Dessa forma, a contemplação é agilizada e é possível evitar gastos adicionais.

O detalhe é que podem surgir algumas dúvidas sobre a matemática do processo, não é mesmo? Mas não há com o que se preocupar, pois a fórmula para esses casos é bem simples. Suponha que você contrate uma carta de crédito de 30 mil reais e dê um lance embutido de 5 mil. Aqui, o valor final da sua carta equivalerá aos 30 mil iniciais menos os 5 mil antecipados: 25 mil reais.

O importante é garantir que seus planos, seja para a compra de um bem ou para a contratação de um serviço, caibam no novo valor. Se for um consórcio de carro, por exemplo, que tal escolher um modelo mais em conta?

Quais as vantagens?

O lance embutido é uma espécie de financiamento feito pelo próprio consórcio, ajudando a agilizar o processo para quem tem mais pressa de conquistar seu objetivo. Nesse caso, além de receber a carta antecipadamente, o consorciado ainda tem o valor da oferta diluído nas próximas parcelas, facilitando (e muito) o pagamento.

Vale lembrar que, se sua oferta não for vencedora, sua carta de crédito continuará intacta. Nesse caso, portanto, como você não foi contemplado, nenhum débito é feito! Bem seguro e vantajoso, não concorda?

No fim das contas, com o lance embutido, você:

  • aumenta suas chances de contemplação;
  • financia seu lance usando parte do valor da própria carta de crédito;
  • acelera a conquista do bem ou a contratação do serviço;
  • reduz o valor das suas parcelas mensais.

É possível usar o FGTS no lance embutido?

Se você está pagando um consórcio residencial e quer dar um lance realmente competitivo, mas não pode gastar muito, existe também a opção de usar seu saldo do FGTS para complementar a oferta, sabia?

Uma das possibilidades de uso do FGTS é para dar lances no consórcio. E a notícia fica ainda melhor: você pode usar até 100% do saldo da sua conta para esse fim, bastando levar o extrato do seu Fundo de Garantia até a administradora. Dessa forma, você aumenta suas chances de contemplação e reduz ainda mais o saldo devedor!

No entanto, é preciso ter atenção às condições que permitem usar o FGTS. Para contar com esse recurso, você precisa atender aos seguintes requisitos:

  • ter pelo menos 3 anos de cadastro no sistema do FGTS;
  • não ter nenhum imóvel residencial em seu nome (concluído ou em construção) na cidade onde mora, onde trabalha ou nas cidades vizinhas;
  • não ter financiado nenhum imóvel pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH);
  • escolher um imóvel cujo valor seja de, no máximo, 1,5 milhão de reais — teto atual de financiamento pelo SFH.

Se você tem saldo em mais de uma conta (valores pagos por mais de uma empresa), pode somar esses montantes — e não faz diferença se já tiver saído ou se ainda estiver trabalhando no local. Essa é uma ótima forma de aproveitar seu saldo, visto que você só pode sacar os valores de FGTS quando é demitido por justa causa ou quando se aposenta.

O que observar antes de dar o lance?

A essa altura, já ficou claro que dar um lance embutido significa descontar o valor da carta de crédito, não é mesmo? O ideal, portanto, é analisar suas opções, lembrando que você deverá adquirir um bem com valor inferior ao que foi previsto na contratação do consórcio.

Antes de dar um lance, pesquise que tipo de bem ou serviço você terá como opção. Não tome nenhuma decisão sem se planejar! Antes mesmo de adquirir seu consórcio, leve em conta o custo das prestações que vai assumir, comparando sempre o valor da carta com o preço do bem que deseja adquirir. Pense se:

  • essas parcelas cabem no seu orçamento;
  • esse é o bem ou serviço que realmente quer (e precisa);
  • o valor da carta de crédito é suficiente para conquistar esse sonho;
  • existe uma margem que permita dar um lance embutido, caso deseje fazê-lo.

As respostas para todas essas perguntas devem ser preferencialmente um enorme sim. Só dessa forma você conseguirá ter certeza de que está fazendo um bom negócio!

Por fim, para conhecer mais sobre o lance embutido e obter qualquer informação sobre consórcios em geral, entre em contato conosco! Estamos sempre prontos para ajudar!

 
 

Comentários