309474-entenda-o-que-e-lance-fixo-e-sua-diferenca-para-outros-tipos-de-lance

Entenda o que é lance fixo e sua diferença para outros tipos de lance

outubro 2019

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Por mais que os consórcios já sejam bastante populares, muitas pessoas ainda ficam receosas ao considerá-los com opção para atingir seus objetivos. Boa parte dessa resistência vem do fato de que, para contar com as vantagens do consórcio, é necessário esperar pela contemplação — processo que pode demorar um pouco. 


Felizmente, para contornar isso, existe o chamado lance fixo. Se você não sabe o que é lance fixo, como ele funciona e como utilizá-lo da melhor forma possível, acompanhe este post que certamente esclarecerá suas dúvidas sobre este tema. Boa leitura!


Como funcionam os lances em um consórcio?


Quem faz parte de um grupo de consórcio sabe que, periodicamente, acontecem as assembleias. Elas consistem em reuniões nas quais os consorciados se encontram, sob organização da administradora, para resolver pendências e, principalmente, definir quem serão os contemplados da vez.

A contemplação é feita por sorteio, e a cada encontro um consorciado passa a ter o direito de fazer o uso da carta de crédito de forma antecipada. Até o final do consórcio, todos os membros que honrarem os pagamentos serão contemplados. Contudo, é importante ressaltar que a contemplação não isenta o consorciado de continuar com o pagamento das parcelas, até que todos os valores sejam quitados.

Mas para quem não quer depender exclusivamente da sorte, existem os chamados lances, que são uma forma de contemplação alternativa. A grosso modo, eles são como um pagamento antecipado das parcelas do consórcio que ainda não venceram. Tais lances devem ser oferecidos nas assembleias, antes do sorteio, em uma espécie de leilão, no qual quem oferece a maior oferta recebe a carta de crédito.

O que é lance fixo e qual sua diferença para outros tipos de lance?

Existem três tipos de lances: os livres, os fixos e os embutidos. Normalmente, os lances livres podem ser ofertados a todos os consorciados e não possuem nenhuma restrição quanto ao valor. Com isso, basta informar antes da assembleia sobre quantas parcelas quer antecipar e aguardar o resultado. Em caso de empate, é feito um sorteio entre os consorciados que efetuaram o mesmo lance.


Os lances fixos seguem uma lógica similar, com a grande diferença de que a oferta é definida previamente pela administradora, tornando essa opção menos flexível. Já nos lances embutidos, uma parte da carta de crédito é oferecida como lance, fazendo com o que valor disponível para a aquisição do bem seja menor.


O que observar antes de oferecer um lance?


Além de conferir o que diz o seu contrato sobre como devem ser realizados os lances, é importante observar alguns aspectos antes de definir se compensa ou não fazer a oferta. Primeiro, procure o histórico de lances vencedores no seu grupo e, a partir disso, decida por um valor que tenha mais chances de ser contemplado.


Outro ponto importante envolve analisar a sua condição financeira, levando em conta se o dinheiro pago no lance não prejudicará suas finanças. Nesse sentido, deve-se sempre considerar as vantagens e desvantagens de ter o acesso à carta de crédito antecipadamente. Às vezes, vale a pena segurar a ansiedade e esperar pela contemplação via sorteio.


Agora que você sabe o que é lance fixo, quais são as diferenças para outras modalidades de lance e conhece dicas do que fazer antes de realizar a sua oferta, é hora de fazer as contas e ver se essa alternativa para acelerar a contemplação é a melhor para você.


Para entender mais sobre o assunto, saiba qual o valor do lance a ser dado para aumentar as chances de contemplação.

Comentários