5 dicas para começar a investir em imóveis

Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Investir em imóveis significa comprar um bem como uma casa, apartamento, sítio e depois alugá-lo ou vendê-lo visando o lucro. Apesar de ser um tipo de investimento bem mais seguro do que a compra de ações, por exemplo, esse tipo de aplicação requer ainda alguns cuidados.

Neste artigo, vamos explicar algumas vantagens de investir em imóveis, quais cuidados são necessários e trazer algumas dicas para que você comece com segurança.

As vantagens de investir em imóveis

Esse tipo de investimento traz diversas vantagens. A renda passiva, por exemplo, possibilita ganhos recorrentes sem muito trabalho e esforço. No ramo imobiliário, ela funciona da seguinte forma: você compra um imóvel, aluga por um bom valor e recebe dinheiro todo mês. Dentro de alguns anos, pode ser possível recuperar muito além do investimento inicial.

Você deve estar se perguntando: são apenas essas vantagens? Não. Existem outras, como segurança financeira em tempos de crise, aumento do patrimônio e valorização com o tempo.

Os cuidados necessários

Qualquer tipo de investimento requer planejamento e precaução, e com a compra de imóveis não é diferente. O principal é analisar onde a propriedade está situada.

Verifique a segurança e a infraestrutura, veja se existe demanda de aluguel para aquele bairro e quais são os preços praticados nos arredores. Outro cuidado a se ter nesse momento crucial é atenção durante a formalização do contrato.

5 dicas para quem quer começar a investir em imóveis

Existem diversas formas de investir em imóveis como casas, apartamentos, condomínios, prédios comerciais, casas de férias ou de campo para alugar e por aí vai. A seguir, preparamos algumas dicas para que você comece a investir com segurança.

1. Compre imóveis na planta

Comprar seu imóvel na planta possibilita alguns benefícios como personalização dos cômodos e dos acabamentos utilizados, descontos e a valorização da propriedade após o término da obra. Vale ressaltar que é muito importante escolher construtoras confiáveis e com boa reputação no mercado.

2. Faça reformas ocasionais para valorizar o imóvel

Reformas ocasionais são importantes para diminuir a depreciação do bem e tornar suas características mais competitivas. Imóveis bem cuidados são mais valorizados e conseguem preços mais lucrativos de revenda e locação.

3. Estude o mercado e busque antecipar tendências

Além de estudar o mercado imobiliário a fundo, vale a pena também ficar de olho nas tendências de consumo e comportamento para saber onde e em que tipo de imóvel investir.

4. Diversifique os rendimentos

Comece a investir fora do mercado imobiliário também. Existem possibilidades de renda fixa e variáveis para você diversificar seus ganhos e conseguir segurança financeira.

5. Verifique a documentação

Quando for adquirir seu imóvel, dê uma atenção especial à documentação. Verifique se tudo está em ordem, analise os valores, os prazos e a discriminação de cada item do contrato. Esse cuidado é importante não só para se prevenir contra irregularidades jurídicas, mas também para evitar surpresas futuras.

Neste artigo, apresentamos algumas dicas para que você comece a investir em imóveis com planejamento e segurança.

Você gostou deste conteúdo? Se quiser saber mais sobre o assunto sugerimos também nosso artigo sobre como escolher os melhores investimentos imobiliários. Confira!

Quer receber mais conteúdos como esses por email?

Cadastre-se para receber nossos conteúdos por email e tenha informações em primeira mão:

Use seu imóvel para tirar seus planos da gaveta

Comentários