O que é capital segurado? Você conhece esse termo?

Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Você sabe o que é capital segurado? Se não sabe, a gente explica! É um tipo de seguro que vem ganhando muita importância no Brasil por um motivo bem específico: as instabilidades pelas quais o país tem passado.

É que, por conta das crises que estamos vivendo nos últimos tempos, as pessoas estão mais preocupadas em proteger seu dinheiro, investindo e cuidando dele com mais atenção. Afinal, todo mundo sabe o quanto é importante garantir sua saúde financeira, não é mesmo?

O foco do capital segurado é, como o próprio nome denuncia, a segurança. E é raro encontrar pessoas que não pensam no futuro de sua empresa e família, certo? Essa é uma excelente forma de garantir que o seu dinheiro esteja protegido e possa ser utilizado no futuro — seja para uma necessidade urgente, seja para realizar objetivos.

Neste artigo, mostraremos para você o conceito de capital segurado, como ele funciona e a sua importância nos dias atuais. Continue lendo!

O que é capital segurado?

O capital segurado nada mais é que um valor determinado na apólice de seguro, que mostra quanto o titular tem direito de receber em caso de sinistros. Por exemplo, se acontecer um acidente com um bem coberto por um seguro, ele tem direito de receber o valor fixado. Mas esse montante só deve ser utilizado para cobrir o prejuízo do segurado.

Todos os bens cobertos por uma apólice podem ser indenizados. E o somatório desses valores é o que conhecemos como capital segurado. O importante é saber que ele pode ser utilizado em várias situações. Desde uma pessoa que quer proteger sua família quanto a eventuais problemas até empresas que desejam garantir a proteção do seu patrimônio.

Lembrando que elementos como seguros, consórcio para empresas e outros tipos de serviços ou produtos financeiros são essenciais para garantir um bom planejamento e proteção de suas finanças.

Como o cálculo do capital segurado funciona?

O cálculo do capital segurado varia bastante de acordo com os bens que são colocados na apólice. Por exemplo, quando se trata de um veículo, esse montante será apurado de acordo com o preço de tabela do bem e os possíveis outros danos que um sinistro pode causar.

Os seguros com diversos itens podem ter um cálculo mais complexo. Então, é fundamental buscar informações com seu corretor sobre as seguradoras e como elas fazem o cálculo do capital segurado em cada modalidade, ok?

Por que é importante utilizar essa proteção?

Utilizar o capital segurado é uma das formas de colocar uma blindagem em seu patrimônio, salvando seu dinheiro caso algum tipo de problema ocorra. Pessoas que sofrem acidentes e não têm esse tipo de proteção podem ter problemas financeiros sérios, por exemplo, além dos demais transtornos relacionados.

Vamos imaginar que um bem não segurado sofre um sinistro. Nesse caso, o proprietário precisa juntar dinheiro do seu próprio rendimento para resolver a demanda. Quando a pessoa não espera por esse gasto, o problema é amplificado, gerando muita dor de cabeça.

Por esse motivo, é fundamental saber o que é capital segurado e como utilizar. Ele serve como uma forma de blindagem do seu patrimônio e garante o amparo financeiro durante possíveis sinistros com bens. Ainda evita que você precise disponibilizar recursos para o reparo ou substituição, protegendo o seu planejamento financeiro. Por isso, sempre analise o capital segurado antes de fechar uma apólice de seguros e prefira empresas que fornecem todas as informações necessárias.

Gostou deste artigo? Então, continue aprendendo sobre o assunto! Confira a nossa página de conteúdos sobre educação financeira!

Quer receber mais conteúdos como esses por email?

Cadastre-se para receber nossos conteúdos por email e tenha informações em primeira mão:

Use seu imóvel para tirar seus planos da gaveta

Comentários