Quando vale a pena fazer um consórcio para trocar de carro

Julho 2015

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Optar pelo consórcio de carro pode ser ideal para quem tem o sonho de ter um veículo 0 Km, quer aumentar o número de carros na casa ou precisa de um veículo maior porque a família aumentou.

Quem tem tempo para planejar pode se beneficiar das características desta forma de pagamento, que facilitam a compra do automóvel para quem não tem muita pressa.

Descubra quando vale a pena fazer um consórcio para essa finalidade:

 

Você quer realizar o sonho de comprar um carro 0km

Muitas pessoas sonham em ter um carro 0km na garagem. Se este é o seu caso, o consórcio pode ser uma boa opção.

A forma de pagamento pode favorecer principalmente quem não tem disciplina financeira, já que ao participar de um consórcio de veículos você paga parcelas mensais para o grupo, formando um caixa coletivo.

Você pode comprar seu tão desejado automóvel quando for sorteado e ganhe uma carta de crédito ou quando ofertar um lance.

 

Você quer trocar seu 1.0 por um carro com mais potência

Assim como no caso de quem deseja um carro 0km, trocar o veículo atual por um com mais potência é algo que não é urgente.

Optar pelo consórcio pode ser a melhor opção; enquanto você paga as parcelas, pode pesquisar com calma o modelo que mais agrada.

 

Você quer aumentar o número de carros da família

Em determinado momento da vida é natural querer aumentar o número de veículos da família como, por exemplo, quando os filhos fazem 18 anos e querem ter um carro próprio.

O consórcio pode ser uma forma de adquirir o bem porque permite planejamento.

Você pode entrar em um consórcio antes mesmo de seu filho poder dirigir. Assim, quando ele tiver idade suficiente, já terá o carro nas mãos.

 

Sua família aumentou de tamanho

O nascimento de um bebê ou até mesmo a chegada de mais um filho fazem com que a família cogite trocar um automóvel compacto por um modelo maior, como um Sedan, para ter mais espaço interno e, principalmente um porta-mala mais espaçoso.

Este é um típico caso em que o consórcio pode ser uma opção vantajosa para adquirir o veículo.

Vale a pena optar pela forma de pagamento antes mesmo do bebê nascer para, assim, ter mais chances de ser sorteado ou até mesmo se planejar para dar um lance.

 

Investir em um consórcio para trocar de carro é a melhor opção para quem sabe se planejar.

Quem tem tempo para pensar e não tem disciplina para juntar dinheiro pode se beneficiar muito do modelo, que se destaca por não cobrar alta taxa de juros.

Ainda tem alguma dúvida sobre quando aderir a um consórcio de automóveis? Quer contar sua experiência? Não deixe de comentar e dividir sua opinião com a gente!

Nova chamada à ação

Comentários