298728-entenda-como-funciona-seguro-auto-para-acessorios

Entenda como funciona seguro auto para acessórios

Setembro 2019

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Comprou ou está namorando o veículo dos seus sonhos? Isso significa que você tem muita coisa para avaliar, não é mesmo?! É documento, dinheiro, segurança, enfim, vários itens. É nessa hora que devemos pensar também no seguro auto para acessórios.

Esse tipo de serviço é contratado para proteger o carro dos chamados sinistros, que podem ser roubos, furtos, colisões e até mesmo causas naturais. Sabemos que ninguém está livre de passar por essa situação e esse é o motivo pelo qual ele se torna tão essencial para quem adquire o bem.

E aí, quer saber como funciona o seguro auto para acessórios? Então veio ao texto certo. Vamos a algumas informações bastante importantes sobre o assunto. Acompanhe a leitura e aprenda!

O que é considerado como acessório do veículo?

São considerados acessórios de automóvel todos os itens que não fazem parte do seu modelo original. Por exemplo, sabe aquele farol de neblina? Se vier instalado de fábrica, não será considerado como acessório. Isso significa que, em caso de qualquer prejuízo, ele vai ser coberto por um seguro auto comum.

A mesma coisa acontece com câmeras de ré e aqueles sensores que já vêm junto ao veículo atualmente. Agora, se eles forem instalados posteriormente, aí entraram na situação de acessório e precisam de um seguro específico.

Como funciona o seguro auto para acessórios?

O seguro auto para acessórios, como dissemos, não está incluso no convencional, ou seja, é algo que você tem que pagar à parte. Mas, ele é extremamente essencial, pois ninguém está livre de perder um sistema de som ou os faróis de neblina, por exemplo.

Como ele funciona? Primeiro, é preciso solicitar à empresa responsável. Junto à seguradora, será feito um contrato especificando todos os itens que podem entrar no serviço e, caso aconteça algum tipo de sinistrocom eles, o seguro vai cobrir o prejuízo. Veja quais itens estão inclusos:

  • rádio;
  • mp3 player;
  • dvd;
  • blindagem;
  • kit gás;
  • adaptações;
  • faróis de neblina.

É importante destacar que alguns itens, como o kit gás, precisam estar com a documentação correta para entrar no seguro auto para acessórios. O motorista deve apresentar o certificado de homologação de conversão expedido pelo INMETRO e os itens de vistoria anual.

Quais são os valores?

O custo vai variar de acordo com a seguradora, modelo do carro e os acessórios escolhidos para serem cobertos. Além disso, as empresas geralmente avaliam o perfil do cliente. Quer um exemplo? Para elas, os homens solteiros são mais propensos a sofrerem sinistros.

Por isso, costumam arcar com maiores custos para a proteção do veículo. Outro item avaliado é o dos carros que transitam por locais considerados perigosos, ou seja, aqueles que estão mais sujeitos a roubos e furtos. É importante destacar também que, quanto mais itens você adicionar ao seguro, maior vai será o custo. Antes de procurar uma empresa especializada no serviço, é necessário fazer uma pesquisa e avaliar o quanto está disposto a pagar.

Agora, você já sabe o que é o seguro auto para acessórios e o quanto é importante contratar esse serviço. Como todos estamos sujeitos a passar por imprevistos, o melhor a se fazer é estar prevenido, contanto sempre com o auxílio de uma boa seguradora em casos de sinistros. Afinal, sabemos que você nutre um sentimento de proteção pelo amado veículo, certo?

Está em busca de um seguro auto? Então entre em contato conosco da Rodobens! Nós temos as melhores coberturas para o seu veículo.

Comentários