Qual é a diferença entre Ted e Doc? E o Pix, onde entra?

Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Se você estivesse em um game e te perguntassem qual é a diferença entre TED e DOC, você saberia responder? Esse artigo não vale prêmio em dinheiro, mas tem informações interessantes, que permitem que você use esses meios de pagamento da melhor forma possível e aproveite as vantagens que cada um oferece, inclusive, economizando.

Ah, e além da TED e do DOC, agora também tem o Pix, que surgiu como uma possibilidade inovadora do Banco Central para facilitar as transações financeiras do dia a dia. Por isso, é interessante entender todas as opções disponíveis no mercado para saber quais recursos de pagamento utilizar e escolher a alternativa mais eficiente para cada caso.

Preparamos um conteúdo que pode te ajudar a escolher a melhor forma de transferir recursos e poupar dinheiro. Se você também se perde em meio a todas essas siglas, continue a leitura e fique por dentro do assunto!

O que é TED e DOC?

Os termos TED (Transferência Eletrônica Disponível) e DOC (Documento de Crédito) representam duas modalidades de transferência de recursos financeiros. É possível fazer essas transações diretamente no caixa ou por meio do Internet Banking.

Isso significa que ambos podem ser utilizados para enviar determinado valor em dinheiro para a conta de outra pessoa seja ela no mesmo banco ou em outra instituição. Apesar de compartilharem a mesma finalidade, esses dois meios de pagamento têm algumas diferenças.

Qual é a diferença entre eles?

Essas opções mais tradicionais de transferências apresentam algumas distinções importantes, que devem ser observadas no momento de efetuar cada uma delas.

Se você precisa fazer uma transferência de maneira mais rápida, realizar uma TED é a melhor opção. Desde que efetivada até as 17 horas de um dia útil, esse tipo de transferência cai na conta de destino no mesmo dia, enquanto o DOC é efetivado no próximo dia útil.

Em relação ao custo, os valores podem variar entre as instituições financeiras. Existem algumas que não fazem cobranças por esses serviços, portanto, é interessante pesquisar as opções.

Outra diferença importante se refere ao valor máximo que cada uma das opções disponibiliza para efetuar a transferência. Ao movimentar o dinheiro via DOC, o valor limite é de R$ 4.999,99. Para os pagamentos via TED, não há limitação de valores desde 2016.

Além disso, se você tem obrigação de pagamento, é aconselhável utilizar as contas digitais ou os caixas eletrônico, pois fazer essas transferências presencialmente pode sair mais caro. 

Quais são os diferenciais do Pix?

O Pix foi criado em 2020 com o objetivo de dar mais dinamismo às transações financeiras. Isso acontece por meio de chaves cadastradas nas instituições nas quais a pessoa tem algum vínculo. Essas chaves podem ser informações particulares do indivíduo como seu número de telefone, e-mail ou CPF — ou aleatórias. 

Um dos diferenciais é a flexibilidade para efetuar transações em qualquer dia da semana e em qualquer horário. O processo leva cerca de 10 segundos para ser concluído e conta com toda a segurança de um sistema testado e regulamentado pelo Banco Central do Brasil. 

Viu como entender as diferenças entre TED e DOC é importante na hora de definir a melhor opção? Além disso, com as inovações e os benefícios que o Pix apresenta, você ganha uma ótima alternativa para efetuar suas transações com segurança. Para ter mais tranquilidade em suas questões financeiras, conte com o Banco da Rodobens e nossas soluções para financiar os seus planos. 

Gostou do artigo? Então, assine a nossa newsletter e receba outros conteúdos como este por e-mail!

Quer receber mais conteúdos como esses por email?

Cadastre-se para receber nossos conteúdos por email e tenha informações em primeira mão:

Use seu imóvel para tirar seus planos da gaveta

Comentários