Qual valor de Consórcio eu posso pedir?

Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Primeiramente vamos tentar entender o que é consórcio? Considerada uma ótima opção de investimento a longo prazo, podemos defini-lo como um grupo administrado por empresas autorizadas e fiscalizado pelo Banco Central do Brasil.

Nele, os participantes interessados em um mesmo tipo de bem ou serviço, que pode ser uma casa, ou um automóvel, recebem cartas de crédito específicas para alcançar seus objetivos. Até o final do consórcio, todas as pessoas que adquiriram cotas e pagaram regularmente são contempladas.

Agora que você já sabe o que é um consórcio, deve estar se perguntando: “Ok, mas quanto posso receber? E se eu precisar de mais dinheiro?”. Neste artigo, explicamos como pedir um valor de consórcio específico. Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

Vale a pena investir em um consórcio?

A resposta é sim! Por meio dele, é possível adquirir diversos bens, sem juros, de forma planejada e que se encaixe no seu orçamento. Todo mês alguns participantes são contemplados por sorteio ou por oferta de maior lance.

Vale ressaltar que a carta de crédito precisa ser utilizada para a compra de bens dentro de uma mesma categoria. Por exemplo: se você tem uma cota para a aquisição de um bem móvel (carro, moto ou caminhão), não pode direcionar esse crédito para a aquisição de um imóvel (casa, apartamento ou terreno).

Quais são os limites de valores dos consórcios da Rodobens?

Cada consórcio tem uma faixa de crédito específica definida na hora da aquisição da cota. Como esse tipo de investimento leva tempo, no decorrer do processo, pode ser que você mude de ideia e prefira um bem de valor menor ou maior do que o estipulado.

Nesse caso, é possível acordar alternativas com a administradora. Por exemplo, pagar o montante excedente de forma adicional ou usar parte do dinheiro que não foi gasto na faixa de crédito adquirida para pagar taxas e encargos de documentação do imóvel. 

A seguir, conheça os limites máximos das cartas de crédito de alguns tipos de consórcio na Rodobens.

Imóvel

As cartas de crédito imobiliárias podem variar de R$ 80 a R$ 800 mil. Nesse tipo de consórcio, você pode comprar um apartamento, uma casa ou um terreno para construir — e o melhor: sem entrada! Além disso, é possível utilizar o seu saldo do FGTS para ofertar lances.

Veículos

Por meio do consórcio para a compra de bens móveis (carro, moto e caminhão), você pode adquirir cartas de créditos entre 25 mil a 420 mil reais.

Serviços

É possível adquirir uma cota de serviços para realizar procedimentos médicos, estéticos, viagens e até mesmo festas. Nesse tipo de consórcio, as cartas de crédito podem variar de R$ 10 a R$ 20 mil reais.

O que eu preciso para solicitar um valor de consórcio específico?

Adquiriu uma cota, mas quer mudar o valor da faixa de crédito? Encontrou um imóvel mais barato ou percebeu que a contemplação será insuficiente? Ao perceber que será preciso dispor de um valor menor ou maior que o da carta de crédito, o melhor a se fazer é entrar em contato com a administradora o quanto antes para estudar as alternativas.

Existem diversos grupos de consórcio disponíveis, e você pode fazer uma simulação no nosso site. É bem simples: basta escolher o tipo, o valor da carta de crédito desejada e qual o valor da parcela que cabe no seu bolso.

Vale ressaltar que, para participar de um consórcio, não é preciso comprovar renda, mas na hora da contemplação, é necessário fazê-lo para usufruir do benefício.

Agora que você já sabe qual valor do consórcio pode pedir e como adquirir sua cota, conheça nossas opções de consórcio!

Quer receber mais conteúdos como esses por email?

Cadastre-se para receber nossos conteúdos por email e tenha informações em primeira mão:

Use seu imóvel para tirar seus planos da gaveta

Comentários