295213-entenda-agora-mesmo-o-que-e-avaliado-na-vistoria-do-seguro-auto

Entenda agora mesmo o que é avaliado na vistoria do seguro auto

Julho 2019

2 minutos de leitura

Compartilhe
Compartilhe pelo Facebook Compartilhe pelo WhatsApp

Se você está comprando um carro, provavelmente já recebeu este conselho: não saia com ele da loja sem fazer um seguro! Essa é a sua garantia de que não terá prejuízos em situações que podem lhe pegar de surpresa, como acidentes, furtos ou roubos, entre outras. Acredite, não se trata de pensar negativo, mas de valorizar a prevenção.

Para fazer a sua apólice, é fundamental que você encontre uma seguradora de confiança e que ofereça boas condições. Além disso, é preciso entender o que é avaliado na vistoria do seguro auto para escolher a modalidade mais interessante à sua situação e ter tudo o que for necessário em mãos na hora de assinar o contrato.

Neste artigo, vamos mostrar a você os critérios utilizados pelas empresas de seguro. Confira!

Condições do veículo

Nessa análise, a seguradora vai verificar o estado geral do seu carro. A ideia, aqui, é checar se ele tem todos os equipamentos básicos de segurança exigidos pela legislação, além da origem do carro, sua documentação e possíveis avarias na lataria ou no motor.

O avaliador também coloca em sua lista a existência de acessórios, o funcionamento dos dispositivos de segurança, como os cintos, a presença de equipamentos opcionais, entre outros. A seguradora pode optar pela vistoria do seguro auto em uma oficina mecânica autorizada ou enviando um profissional até a sua casa ou outro local de escolha do proprietário.

Modelo do carro

Os valores dos seguros costumam depender do modelo do carro. Portanto, fatores como o tamanho do veículo podem fazer com que os preços se elevem. É o caso de caminhonetes, SUVs e semelhantes. Isso ocorre porque as indenizações em caso de sinistro são maiores, na mesma proporção. Além disso, as empresas têm listas dos modelos que costumam estar entre os mais visados, o que interfere, também, no valor do seguro auto.

Localização

A vistoria do seguro auto também analisa o lugar onde você vai guardar o veículo. É importante, nesse caso, saber se ele ficará em uma garagem fechada, o que fará com que o valor seja mais baixo. Em cidades grandes, onde há altos índices de violência, as taxas também tendem a aumentar.

Idade do motorista

A vistoria do seguro auto não busca informações apenas sobre o veículo. O condutor também tem seus dados avaliados, e a idade é um dos critérios de verificação do perfil do motorista. As pessoas mais jovens costumam pagar valores mais altos, pois as chances de sofrerem acidentes são maiores. O mesmo acontece com aqueles que têm menos tempo de habilitação.

Histórico do condutor

Como você dirige? Já prestou atenção nisso? As seguradoras fazem essa análise no momento em que vão definir o seu seguro auto. Portanto, se você acumulou multas, já teve o carro roubado ou se envolveu em um acidente, tudo isso conta pontos para que o valor do seguro seja mais caro.

Uso do automóvel

Outra situação verificada na vistoria é a finalidade do veículo que será coberto. Carros usados para viagens ou trabalho têm o valor de seguro mais caro, pois os riscos de ocorrerem sinistros aumentam. O cálculo do preço também considera os lugares por onde você dirige.

Conhecer os critérios avaliados na vistoria do seguro auto é importante para que você possa fazer uma pesquisa completa e cotar os melhores preços do mercado, analisando a relação custo-benefício para tomar a melhor decisão. Verifique as opções de coberturas oferecidas pela empresa escolhida e faça um bom negócio, que lhe permita evitar dores de cabeça no futuro.

Está pensando em fazer um seguro para o seu veículo? Entre em contato com a Rodobens e conheça as nossas soluções!

Comentários